Bolo de Caramelo e Nozes

( 1 voto )
Loading...
Imprimir Receita

Ingredientes

  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +

Preparação

  • Faz-se primeiro a massa do bolo. Batem-se as claras em castelo bem firme. Reserva-se. Noutro recipiente, com a varinha mágica, mistura-se o açúcar à margarina — que, se estiver muito dura, pode ser amornada — até se formar um creme fofo, esbranquiçado. A esta mistura se junta a farinha, já com o fermento incorporado, com a ajuda de uma colher de pau. Mexe-se até a mistura ficar mais ou menos homogénea. Por fim, envolve-se a dita mistura nas claras, também com a colher de pau, e deita-se tudo numa forma de buraco, previamente untada e enfarinhada. Nota: Desta vez, tinha claras congeladas que haviam sobrado de outro dia. Depois de as colocar no recipiente onde ia batê-las, ainda meio congeladas, limitei-me a pisá-las com uma colher de modo a desfazer os pedaços de gelo maiores. Juntei uma pitada de sal grosso e bati, como de costume, com a batedeira eléctrica. Não só cresceram muito depressa como ficaram realmente firmes. Pincela-se com um pouco de óleo o fundo de um tabuleiro, de preferência anti-aderente, onde se espalham as nozes de forma tão uniforme quanto possível. Depois prepara-se o caramelo, o mais clarinho possível. Numa frigideira larga, colocam-se 200g de açúcar. Vai ao lume forte. Quando a orla do açúcar começar a derreter, mexe-se, empurrando o açúcar já liquefeito para o centro, menos quente, da frigideira. Isto até já não restarem (ou quase) cristais de açúcar. Verte-se então o caramelo para cima das nozes e deixa-se solidificar. Uma vez cristalizado, parte-se com pancadas secas e fortes. Escorre-se o óleo do fundo do tabuleiro e deitam-se os pedaços de «torrão de caramelo com nozes» por cima da massa do bolo, na forma de buraco. Por uma questão de densidades, estes torrões irão afundar-se. Depois alisa-se o topo da massa com uma espátula e leva-se ao forno a 180ºC durante 50 minutos. Ao desenformar, não espere que este bolo fique direito ou bonito (por causa do caramelo). Mas é uma enorme delícia, ideal para acompanhar com um bom vinho do Porto. Nota: ahm... pois... pois... bem sei que «eles, os experts» defendem que, ao prepará-lo, nunca se deve mexer o caramelo...

Publicada em Mais de um ano
0 impressões
4 visualizações
Guardada em 0 favoritos
x

Registrar

Palavra passe perdida