Coração de manga

( 1 voto )
Loading...
  • Preparação0 m
  • Porções12
  • Confeção:Forno
  • Nível: Básico
Imprimir Receita

Ingredientes

  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +

Preparação

  • 1- Separe os ovos. Bata as claras com 4 c/ sopa de água em castelo e adicione pouco a pouco 125g de açúcar, 1 pacotinho de açúcar de baunilha e a pitada de sal. Misture as gemas. Misture a farinha com o fermento, peneire sobre a massa de ovos e envolva tudo muito bem. Despeje a massa sobre uma forma em coração (cerca de 24 cm O) forrada com papel manteiga. Vai a cozer em forno pré-aquecido a 200 graus cerca de 20-25 min. Deixe arrefecer. Desenforme e retire o papel manteiga. Lave e seque o aro e ponha outra vez à volta do bolo. 2- Amoleça 6 folhas de gelatina. Escorra uma lata de manga e reduza a manga com 3 c/ sopa de açúcar e 1 pacotinho de açúcar de baunilha a puré. Esprema e dissolva cuidadosamente a gelatina e misture um pouco de puré de manga, misture agora com o restante puré de manga, misture o quark quando o puré de manga começar a ficar espesso. 3- Despeje o creme sobre o bolo e leve ao frio cerca de 2 horas. Amoleça 4 folhas de gelatina em água fria. Escorra 1 lata de manga e reduza a puré. Esprema e dissolva a gelatina e misture o puré de manga com a gelatina. Despeje o puré sobre o creme do bolo, alise e leve ao frio cerca de 1 hora. Retire cuidadosamente o aro de volta da torta e polvilhe a superfície e os lados do bolo com os pistachios picados. Decore com as fatias e os corações de manga.

Publicada em Mais de um ano
0 impressões
3 visualizações
Guardada em 0 favoritos
x

Registrar

Palavra passe perdida