Esfiha de carne fechada

( 1 voto )
Loading...
Imprimir Receita

Ingredientes

  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +

Preparação

  • Dissolver o fermento na água morna. Reservar. Juntar à farinha o sal, o açúcar, o óleo, os ovos, a manteiga derretida, o leite morno e o fermento reservado. Misturar bem e trabalhar a massa com as mãos até ficar bem lisa. Deixar repousar 1 hora coberta com um pano em lugar abafado (pode ser o forno desligado do fogão). Abrir a massa com um rolo, numa espessura de cerca de 1 cm e cortar pequenos quadrados. Rechear com carne moída, e fechar na forma de um triângulo, umedecendo as pontas da massa para fechar melhor. Apertar bem e deixar repousar mais 10 min. Colocar numa assadeira, polvilhada com farinha de trigo. Pincelar cada esfiha com leite e levar ao forno pré-aquecido durante 20 min. Recheio: Refogar no azeite a carne moída. Misturar os tomates e as cebolas picadas. Temperar com o sal e a pimenta a gosto. Regar com o suco de limão e acrescentar a salsinha picada. Se preferir, pode adicionar o pinhãozinho. Dicas: Para fazer a esfiha aberta é só cortar a massa em círculos e colocar o recheio de carne no meio, pressionando com o dedo para dentro, de forma a ficar uma borda de massa mais elevada. Sabia que... A esfiha (ou esfirra, menos usado) é uma pequena torta assada originária da Síria e do Líbano, e encontrada em outros países do Oriente Médio, como a Jordânia, Israel e Iraque, além do Brasil, para onde foi levada por imigrantes árabes e tornou-se extremamente popular.

Publicada em Mais de um ano
0 impressões
2 visualizações
Guardada em 0 favoritos
x

Registrar

Palavra passe perdida