Francesinha da Confraria

( 1 voto )
Loading...
  • Preparação0 m
  • Porções2
  • Confeção:Lume
  • Nível: Médio
Imprimir Receita

Ingredientes

  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +
  • Adicionar à lista de compras +

Preparação

  • 1. Corte a cebola em meias luas, junte azeite, alho, louro e a carne de vaca, deixando refogar lentamente de forma a obter praticamente um fundo de carne forte.

    2. Acrescente então a mostarda, um ou dois cálices de Porto, um copo pequeno de whisky, um golpe de gin, o concentrado de tomate, e deixe continuar a apurar.

    3. Prossiga então, acrescentando a cerveja, o vinho branco, o leite e um pouco de água. O preparado deve ferver muito lentamente durante algumas horas.

    4. No final, se for necessário dar um pouco de consistencia ao molho, acrescente um pouco de maizena previamente diluída em leite. Os sabores devem ser equilibrados, e o picante, indispensável, não pode ser anestesiante.

    PROCLAMAÇÃO
    A francesinha é invicta.
    A francesinha é leal.
    A francesinha é do povo.
    A francesinha é bairrista. Logo, a francesinha é do Porto
    A francesinha é democrática. Portanto, agrada a todos.
    O povo respeita a francesinha. Portanto, todos podem ser confrades.

    Comida só ou acompanhada, a francesinha é sempre a melhor companhia!

    Viva a francesinha!
    Viva!

Publicada em Mais de um ano
0 impressões
7 visualizações
Guardada em 0 favoritos
x

Palavra passe perdida